terça-feira, 11 de março de 2014

Diretora do Hospital Regional expõe na Câmara situação da unidade e pede união da classe política


 
Dra. Denise expõe situação real do hospital e pede união dos políticos
 Dra. Denise diz que não vai cansar de lutar em favor do hospital
Situação como encontrou a unidade é mostrasda em relatório com fotos
Equipe de apoio presente na sessão da Câmara



A sessão da Câmara Municipal de Vereadores de João Câmara nesta segunda-feira(10) foi toda dedicada a um tema que atinge não só João Câmara, como todo o Mato Grande, a crise de médicos que afeta o Hospital Regional Josefa Alves, de João Câmara. A diretora da Unidade, Dra. Denise Aragão ocupou a Tribuna Popular da Casa Legislativa, a pedido do vereador Aldo Torquato e fez uma radiografia completa de como recebeu o hospital do seu antecessor, o que já foi feito e como tem sido sua luta junto a Sesap para melhorar o atendimento na unidade.

A diretora mostrou com relatórios e fotos a situação caótica que encontrou o hospital e disse que muita coisa já foi feita, apesar das dificuldades enfrentadas. Outros serviços que ainda não foram feitos, porque dependem de vistoria do setor de engenharia da Sesap.

O maior problema do Hospital Regional hoje está relacionado ao número reduzido de profissionais médicos, dispondo apenas de seis médicos e dois deles com licença de 60 dias, deixando o plantão descoberto gerando insatisfação da população. Com ralação a esses e outros problemas que afetam a unidade, a diretora pediu a somar de esforços de toda conjuntura política para encontrar uma solução junto a governadora Rosalba Ciarlini.

Denise Aragão, preocupada com a situação disse que não sabe fazer que não dê resultados. “O que mais me entristece é ver a população desassistida”, disse. Durante sua exposição, respondeu as indagações dos vereadores e recebeu manifestações de apoio a sua lutar. “Eu não vou cansar de lutar pra mudar essa situação”, disse emocionada a diretora.


Fonte: Assis Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário